Alterações no trânsito da Capital preparam obras no Túnel da Conceição

Medidas começam a ser implementadas neste sábado

Como prévia das obras do Túnel da Conceição, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) colocou em prática na manhã deste sábado um conjunto de alterações no trânsito da Capital.

Além da inversão de sentido das ruas Garibaldi e Santo Antônio, foi liberada uma extensão da Barros Cassal junto à rodoviária e a passagem da Farrapos para quem segue pela Ernesto Alves.

Acompanhado do diretor-presidente da EPTC, Vanderlei Cappellari, e do secretário de Obras e Viação, Adriano Gularte, o prefeito José Fortunati conferiu o processo de inversão das ruas a bordo do ônibus da Linha Turismo. Seguindo o safety car que vai orientar os motoristas até o início das obras, a comitiva partiu da esquina da Osvaldo Aranha com a Garibaldi e seguiu até a rodoviária. Depois, ingressou na Ernesto Alves até a Cristóvão Colombo e dobrou na Santo Antônio, seguindo até a Osvaldo Aranha.

A comitiva retornou à rodoviária para concluir o trajeto, passando antes pela Rua Ramiro Barcelos, pelas avenidas Ipiranga e João Pessoa e pelo túnel. Após o percurso, o prefeito e os secretários distribuíram material informativo a taxistas. Daniel Marinheiro, 75 anos, taxista do ponto da rodoviária há 35, considera as mudanças positivas:

– Acredito que com o tempo vá melhorar. O fluxo de chegada na rodoviária vai melhorar bastante. A saída é que pode ficar um pouco confusa no início.

Durante as próximas duas semanas, cerca de cem agentes da EPTC irão atuar nos dias úteis para orientar pedestres e motoristas sobre as alterações.

– Nossa equipe está fazendo os ajustes finais nos semáforos e na sinalização. Tivemos um pequeno atraso na sinalização horizontal, que deve ser finalizada neste final de semana – explicou o diretor Vanderlei Cappellari.

As mudanças criam novos caminhos para os motoristas, que daqui a duas semanas vão encarar o túnel com bloqueio parcial ao longo de 18 meses. Durante as obras, a partir do dia 9, duas das quatro faixas estarão bloqueadas para os trabalhos, que compreendem melhorias estruturais.

– Vamos fazer uma observação e monitoramento completo. Em uma semana, poderemos saber até onde a população assimilou e quais gargalos existirão para podermos fazer ajustes, se necessários – diz Fortunati.

Nas últimas duas semanas, funcionários da EPTC instalaram mais de 400 placas e 17 semáforos no entorno do túnel. O objetivo é fazer com que metade do fluxo – hoje 102 mil veículos nos dois sentidos – migre para as rotas alternativas. Se essas opções não desafogarem o túnel quando a obra começar, a EPTC poderá proibir carros particulares de atravessarem a passagem subterrânea, numa forma de forçar os motoristas a usarem outras rotas.


Confira as mudanças no trânsito da cidade clicando aqui



Categorias:Meios de Transporte / Trânsito, Túnel da Conceição

Tags:

Faça seu comentário aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: